23:11

"A gente mente porque a gente existe"

Esta é uma cereja de Anavlis |


E já dizia o poeta camelô hoje de manhã na feira "A gente mente porque a gente existe"...

                                                   QUEM NÃO???

Convenhamos, vivemos em um mundo onde a mentira e o fingimento são mais praticados que o 69 e a posição da macaca voadora (o que é uma pena e a gente já pode ver que tem algo errado por aí). A gente finge que gosta, finge que não gosta, finge que confia, finge que se importa, finge que não se importa, finge que acredita, finge que está com raiva, finge que não ouviu uma conversa (só pra ouvi-la de novo ou se safar de alguma indiscrição). Tem gente que finge ser honesto. Tem gente que finge ser virgem (né foda?!). Tem gente que finge ser seu amigo (onde é a melhor posição para te dar um bote no cu, quando você menos esperar e te deixar na merda total).Tem gente que finge que não viu, ouviu ou falou. Tem gente que finge até pra si mesmo...



Somos seres fingidores, fingidos e enfingidados. Porém tem gente que vai além. Tem gente que finge em situações onde a verdade deveria ser a posição predileta e o êxtase do prazer. No Amor e no Gozo. 


Alguns poderão dizer: - Ah, Silvana! Quem nunca fingiu uma excitação ou um orgasmo que broche por último (POR EXEMPLO)!!! Mas a questão nem é essa. Obviamente pelo menos em algum momento da sua vida sexual de sarros, amassos, pegações, chupadas e afins, você se mostrou pelo menos um pouco mais empolgado do que de fato estava. Everybody já deve ter soltado um gemidinho meio que a toa, dado uma chupadinha sem tanta vontade assim, ou possivelmente ter gozado com a mesma veracidade que atriz pornô em seus filmes. Quem nunca??? Entretanto a questão é: Por que fazer isso sempre????

Quero deixar claro DE IMEDIATO que isso aqui não é uma crítica pesada. Não é meu fetiche sexual agora condenar quem fez um 69 só pra agradar o parceiro. A questão é: POR QUE sentimos a necessidade de camuflar a nossa real vontade? Por que a gente diz que a nossa amiga está LINDA com aquela maquiagem que assustaria até o próprio curinga? Por que dizemos que amamos quando o que sentimos passa longe de amor? Por que criamos máscaras e cortinas pra esconder o que de fato pensamos e sentimos?

Por fetiche. Por comodismo. Por medo de magoar outra pessoa. Por insegurança. Por safadeza. Por filhadaputice. Por não ter algo mais excitante pra fazer ou uma roupa suja pra lavar.

Infelizmente, alguns acham mais divertido e gostoso atuar descaradamente nessa comédia dramática que é a porra da vida, ao invés de dar a cara pra bater e correr os riscos que assumiu ao colocar pra fora o que verdadeiramente pensa. O que se vê, porém, é gente que com mentiras pequenas, mentiras medianas e mentiras colossais, vão tecendo um tecido falso que só favorece ao seu próprio ego.
 <--- ESSE CARA É DESSES


Por mais que negamos, é hipocrisia assegurarmos que não mentimos e/ou que somos 100% sinceros o tempo todo. NÃO há pessoas 100% sinceras porque simplesmente elas não conseguiriam existir em um mundo temperado com mentiras e com cobertura de falcatruas. Este não é seu habitat. Elas entrariam em extinção. #Certeza. (E se você se ofendeu com esta afirmação, possivelmente é da racinha de "sincero" do parágrafo abaixo. Prossiga na leitura.)

Também não confundamos maus modos, indiscrição e grosseria com sinceridade. Sair esbravejando a sua opinião na cara de alguém não é ser verdadeiro. É ser pedante, grosseiro e inútil intelectualmente. Há modos de se falar o que você acredita ser a verdade, a sua verdade, sem que pra isso você tenha que enfiar o dedo na cara de alguém aos gritos chamando-o de idiota. (Já ouviram falar em ARGUMENTOS??).

O fato é que mentir e omitir funcionam como uma balança que regula os pesos e impede que haja um acidente atômico no nosso cotidiano. Verdade.  Não são todos que estão preparados e vacinados pra lidar com as coisas como ela realmente são. Mas assim como até mesmo remédio pode transformar-se em veneno, a prática da não-verdade também pode ser tão mortal e perigosa quanto duas cartelas de fluoxetina tomadas de uma vez só (Não faça isso. Já fiz e quase tomei no cu).

Menti realmente é necessário? Não haveria uma maneira mais amena de se dizer a verdade sem necessariamente frevar em cima do que a outra pessoa sente/pensa?

Talvez o problema maior não seja de fato o ato de mentir propriamente dito. Mas o PRA QUEM mentimos e o PORQUÊ... 




Beijos Sabor Cereja  e desculpa a ausência de posts. Mas é que tá foda, vei. ¬¬

0 Mordidas:

Postar um comentário

Morda e exploda também.

Subscribe